Tempo - Viseu

mais sobre mim

subscrever feeds

Segunda-feira, 23 DE Agosto DE 2004

Colégio Santo Agostinho

colegiostagostinho.jpgDescobrimos esta foto do Colégio Santo Agostinho, um dos ícones de Viseu, que muitos recordam, e que nos relembra muitos amigos, afectos, histórias e emoções.Relembramos com muita saudade o seu principal dinamizador, Dr. Sales Loureiro, ilustre figura da cultura daquele tempo e cuja carreira e obra são credoras de um destaque que ainda não aconteceu.
Pois bem, a foto que apresentamos foi retirada de um livro que por mero acaso nos chegou às mãos e que recomendamos vivamente: "ícones e encenações" - Património Hisórico de Viseu. Trata-se de um livro-catálogo com uma coletânea fantástica de fotografias que reconstituem alguns dos lugares da história recente da cidade. Inclui ainda uma segunda parte dedicada à evolução do património museológico do Museu Grão Vasco. Trata-se de uma edição do IPM/CMV de 2002, coordenada pela Dra. Dalila Rodrigues, actual Directora do Museu Grão Vasco. Para ela e toda a equipe que realizou tal obra, os nossos sinceros parabéns. Absolutamente notável.Poderá adquiri-la nos Agostinhos da Rua Formosaiconeseencenacoes.jpg
publicado por porViseu às 11:20
Domingo, 22 DE Agosto DE 2004

O Maratonista

omaratonista.jpgFoi em Agosto de1984, há 20 anos, nos Jogos Olímpicos de Los Angeles. Carlos Lopes deslumbrou os Portugueses, e foi admirado por todo o Mundo com a sua brilhante medalha de ouro na Maratona.No passado dia 14 de Agosto, em Viseu, na Praça Carlos Lopes, foi inaugurada a estátua “O Maratonista”. São 100 toneladas de granito, 10 metros de altura, “tentando dar a ideia de uma chegada à meta”. A base, com os seus 30 metros, pretende representar uma fechadura cuja chave é o Maratonista, e é circundada pelo elemento água, que tanto traduz o som dos aplausos, como também representa a festa expressa pelos jactos verticais rodeando o atleta.
fonte "O Maratonista, edição C.M.V. Agosto 2004
omaratonistap.jpg
publicado por porViseu às 19:19
Domingo, 22 DE Agosto DE 2004

Uma curiosidade

BaseCamoes.jpgPor uma informação curiosa de um nosso visitante descobrimos que o bonito pedestal que suportava a estátua de Camões quando esta estava localizada na Praça de Camões (hoje D.Duarte), está hoje a suportar a imagem de Nossa Senhora de Fátima situada no terreiro do Seminário da Santa Cristina, como poderão verificar.Ficámos contentes com tal noticia pois tal base é mesmo muito bonita e teria sido um desperdício não a aproveitar.
publicado por porViseu às 01:11
Quinta-feira, 19 DE Agosto DE 2004

... ainda o mar .....

Qual Mar ? O maré assim como se fossemas três primeiras letrasde um nome de mulherque parte e regressasempre que se quer !Nesse mare nessa mulhersó o tempodo mesmo verbo é que mudae umas vezes é o mar que vainoutras o mar iao marcalmo ou revoltopodem escreverquer sempre dizer Maria ! Jorge Marques16Agosto2004
publicado por porViseu às 17:26
Sexta-feira, 13 DE Agosto DE 2004

Os Aromas de Setembro ...

Tilias020.jpg
Depois das férias,todos os anos relembroViseu,e os aromas de Setembro.O Rossio e as tílias,as farturas e as enguias,os filetes de polvoe o rancho à Zé do Povo. O caldo verde e a broa,os barros e os cestos da feira,tudo isto nos chamavaao coração da Ribeira.Estarão na sua mesa,os aromas que relembro,na festa “Os Melhores Anos”a 25 de Setembro.Eduardo Pinto
Um Encontro Perfumado, uma Tertúlia Musical, e um Jantar Dançante. 24 e 25 de Setembro, em Viseu, naturalmente.
publicado por porViseu às 19:08
Segunda-feira, 02 DE Agosto DE 2004

... ... tanto mar ...

P73100221.jpgP7250109.JPG
Sonho,sonho com o teu olhar no meu,contemplando o mar,que sendo de todos,é só teu,tão visível no teu olhar,e nele,no mar,e no céu.Enviado por ymca em agosto 9, 2004 09:46 PM
amar;amaré recordar,relembrar o teu olhar,lembrar o calor e o sabor a m(ar),do ar.lembrar o prazer de sentir,a par,o teu expirar com o meu inspirar,o teu sabor,o teu calor,que ao sair de ti,só apetece inalar,respirar,saborear,mastigar,beber,beber, beber, beber,até embebedar,... (isto a ver o mar !) Enviado por terra em agosto 6, 2004 12:56 AM
Ouvi o chamento deste mar, ao qual não resisti, corri-me para ele, envolvi-me nele:Teu corpo é mar... Meu mar infinto.Renasço na fímbria do mar, do teu mar de sargaços,no teu mar de desencontros e naufrágios;Renasço na tua boca de sal,No teu cheiro a maresia,Renasço em cada onda tua, envolta em grinaldas de espumas,Em véus de saudade;Maria01/08/04(A)MAR(-TE) Hoje levei-te em mim, passeamo-nos por horizontes de mar...Tenho fome de ti como o mar tem das pegadas que deixas na sua orla.Tenho sede de ti como a areia seca tem da água.O teu hálito é fresco como o nevoeiro da manhã sobre o oceano.Gosto quando os teus olhos brilham com o reflexo do sol nas ondasQue espelham o teu andar.Não resisto a refrescar-me, entrando nelas.O teu riso confunde-se com o murmúrio da água que escorre das rochasQuando o mar se retira.Já na areia, as minhas mãos sobem e descem as pequenas dunas que te enformam,Lentamente, sem cansaço.Quando o dia termina, rejubilo de trazer comigo para casa, os cheiros e cores de mar, a praiaQuente e fresca, que és tu!Trago-te em mim...27/07/04Enviado por Maria Branco em agosto 2, 2004 11:47 AMDe Manuel Alegre"Contar-te longamenteas perigosas coisas do mar.Contar-te o amor ardentee as ilhas que só há no verbo amar.Contar-te longamente longamente.Amor ardente.Amor ardente.E mar.Contar-te longamente as misteriosasmaravilhas do verbo navegar.E mar.Amar as coisas perigosas.Contar-te longamente que já foinum tempo doce coisa amar.E mar.Contar-te logamente como doidesembarcar nas ilhas misteriosas.Contar-te o mar ardente e o verbo amar.E longamente as coisas perigosas."Enviado por António em agosto 2, 2004 12:30 AMMarde Sophia de Mello Breyner Andresen:De todos os cantos do mundoAmo com um amor mais forte e mais profundoAquela praia extasiada e nuaOnde me uni ao mar, ao vento e à lua. Enviado por Rita em julho 29, 2004 09:14 PM

A Máquina Fotográficade José Carlos Ary dos Santos, Obra Poética, 1994:"É na câmara escura dos teus olhosque se revela a águaágua imagemágua nítida e fixaágua paisagemboca nariz cabelos e cinturaterra sem nomerosto sem figuraágua móvel nos riosparada nos retratoságua escorrida e puraágua viagem trânsito hiato".Enviado por Margarida em julho 29, 2004 08:01 PM

Tanto marTanto solTanta luzTão naturalTanto Mar,Tanto salTanto azulTanto cristal

Vá lá, dê o seu contributo para as férias. Mande a sua quadra ! Publicaremos as melhores !</div>

publicado por porViseu às 10:38

pesquisar

 

Agosto 2004

D
S
T
Q
Q
S
S
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
14
15
16
17
18
20
21
24
25
26
27
28
29
30
31

comentários recentes

  • Pode contactar uma antiga colega do G.Colégio Port...
  • Vamos tentar saber. responderemos em breve.
  • Sou neta de Delfina do Amaral Balula Cid, diretora...
  • Cerca do ano 1970 trabalhei no Bazar do Porto em C...
  • Também vi lá muitos filmes com a geral a 1 escudo
  • Se calhar ainda nos conhecemos
  • Não. Eu estive internado no Lar de São Luis de 194...
  • Meu Caro, no Facebook existe um Grupo do Colégio S...
  • Estive internado neste colegio de 1973-75 ,, gosta...
  • A conversa entre Dalila Rodrigues e o atual direto...

Posts mais comentados

arquivos

blogs SAPO


Universidade de Aveiro